vontade, mesmo?

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Pensando.
"E de pensar, existo."
E insisto em viver.
Ou resisto?
porque vontade, mesmo,
só sinto.
De fugir.

1 Comentário:

Joandson ALVES disse...

A característica marcante da poesia, é esse revelar da alma. Vontade mesmo...de fugir. Lembrei-me de T.S. Eliot: onde estou là eu não me penso, me penso onde não estou. Pensar...existir...resistir...

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.
 
any, a poetisa © Copyright | Template By Mundo Blogger |